O jogo entre Volta Redonda e Juventude de Caxias do Sul ,marcado para segunda feira (19) ás 20 horas tem bons motivos para atrair a presença da torcida. É o último em casa  na fase de classificação, uma vitória garante praticamente o time  para as semi-finais,  é a primeira vez que time gaúcho visita a cidade em jogos oficiais, o preço dos ingressos  está bem abaixo da tabela  da CBF, e além de tudo é a chance da torcida mostrar o seu apoio ao time que com pouco dinheiro e elenco reduzido chegou na penúltima rodada com 24 pontos, três a menos que o Juventude, adversário direto e líder da chave.

Vale lembrar que durante a disputa o técnico Toninho Andrade teve que fazer mágica para montar os onze titulares em vários jogos devido as contusões e punições de seus principais jogadores. Contra o Remo foram cinco desfalques. Heitor, Bileu, Gelson, Indio e Saulo Mineiro. O Departamento Médico trabalha para recuperar alguns, mas Heitor que será submetido a uma cirurgia e Saulo Mineiro continuarão de fora.

Torcida e moradores de Poços de Caldas não aceitam contratação de Bruno

Após o presidente do Poços de Caldas FC confirmar um acordo com o goleiro Bruno Fernandes para a formação de um elenco visando a disputa da terceira divisão do Mineiro em 2020, as redes sociais do clube foram tomadas por torcedores e moradores da cidade. Nos comentários, muitas críticas, algumas em forma de indignação, e algum apoio à contratação do jogador

Bruno cumpre pena em regime semiaberto domiciliar pelo homicídio de Eliza Samudio e pelo sequestro e cárcere privado do filho. Desde que saiu da prisão, há quase um mês, o goleiro tem mantido uma rotina discreta em Varginha, mas precisava oficializar um emprego até o início da próxima semana, quando completa-se 30 dias desde que conseguiu a progressão de pena.

Flamengo tem maior presença de público da América do Sul

A Fifa divulgou recentemente uma pesquisa que aponta os clubes com maior presença de público em seus jogos. O Flamengo está entre os cinco maiores do mundo em termos de presença de torcida e o primeiro na América do Sul.

O rubro negro tem média de 47.909 torcedores pagantes por partida e já arrecadou somente em 2019, R$ 41.839.951,00 de bilheteria considerando uma média de R$ 40,00 por ingresso. O Corinthians é o segundo colocado em média nacional de público. 33.904 torcedores por partida.

Manoel Alves (ACERJ 0242)