Volta Redonda empossa membros do Comitê do Orçamento Participativo

samuca empossa membros do comite orçamento participativo

samuca empossa membros do comite orçamento participativo

Prefeito Samuca Silva destacou importância da participação popular

 Foram empossados na tarde desta terça-feira, dia 27, os 50 membros e suplentes que fazem parte do Comitê do Orçamento Participativo. O COP tem como objetivo acompanhar a execução do Orçamento Participativo de 2018. O mandato dos membros do comitê, que conta com membros da sociedade civil e da administração municipal, é de um ano. O prefeito Samuca Silva participou da cerimônia de diplomação.

De acordo com Samuca Silva, é de suma importância a participação popular nas decisões da cidade. “Foi esse governo que deu uma nova cara para a secretaria de Planejamento, que agora tem capacidade de pensar e planejar a cidade por anos. E isso é preciso com participação popular e controle social. São vocês que devem fazer esse controle”, disse o prefeito.

O prefeito destacou ainda que a administração municipal elaborou um orçamento capaz de ser cumprido. “Não adianta a gente fazer um orçamento de R$ 1 bilhão sendo que não vamos conseguir cumprir. Fizemos um orçamento real, com uma capacidade de investimento ainda pequena, por conta das dívidas que encontramos e ainda continuamos encontrando. No próximo ano, com muita gestão, conseguiremos realizar as obras necessárias”, acrescentou o chefe do Executivo.

O Comitê do Orçamento Participativo acompanha a execução do OP de 2018 e ainda acompanha as mudanças e a implantação do OP 2019. Os membros do COP foram eleitos durante o 1º Fórum do Orçamento Participativo.

O secretário interino de Planejamento, Transparência e Modernização da Gestão, Enock Azevedo, o COP tem o papel importante. “Vocês estão aqui nesta tarde mostrando a importância do Comitê e da participação popular para o futuro da cidade”, disse.

O presidente da Associação de Moradores do bairro Vila Americana, Julio Gil da Cunha, elogiou o novo modelo de acompanhar a execução do Orçamento Participativo. “Com a nova gestão do prefeito Samuca Silva, melhorou a forma de acompanhar o OP. O Comitê trouxe a participação popular para fazer o controle da execução”, afirmou Júlio, que representa o setor 1 no comitê.

Já a representante do setor 2 no COP, Dilma Fernandes, da Associação de Moradores do Barreira Cravo, se disse emocionado com o momento. “É uma alegria muito grande estar aqui hoje. Estou emocionada de estar ao lado do prefeito Samuca. É um prazer muito grande poder ajudar nossa cidade”, disse Dilma.