Estudantes de Biologia e Veterinária aprendem ao mesmo tempo em que realizam atividades importantes no Zoológico Municipal de Volta Redonda

O estágio é um momento importante na vida de muitos estudantes e pode mudar o rumo dos planos profissionais. É o caso da bióloga Natália Teixeira dos Santos, que foi estagiária no Zoológico Municipal de Volta Redonda (Zoo-VR) e retornou depois de formada para atuar no setor de Biologia. Ela conta que os animais a fizeram mudar de ideia em relação à carreira.

“Quando entrei na faculdade, eu queria fazer só botânica, eu gostava só de planta. Com uma semana de estágio aqui no zoológico, eu já estava apaixonada pelos bichos e não queria mais planta. Transformou a minha visão sobre o que eu queria para minha vida”, conta Natália, que acompanha os 13 estudantes da área de Biologia do zoológico em atividades como educação ambiental, com visita monitorada (ônibus), enriquecimento ambiental, cuidados com filhotes.

Esses estagiários e outros cinco que cursam Veterinária fazem parte do Programa de Estágio Voluntário do Zoológico Municipal, que tem como objetivo principal proporcionar a capacitação prática dos estudantes. A estudante Isabela Cristina Paiva de Azevedo, de 24 anos, que cursa último ano de Ciências Biológicas, já está em seu segundo estágio no Zoo-VR e conta que sempre quis trabalhar com os animais.

“É a área que eu mais gosto. Já fiz estágio em laboratório, mas eu vi que não é para mim. Gosto de mexer com animais e minha paixão são os felinos, desde criança, mas cuido de todos”, conta Isabela.

A novata da turma de estagiários é a estudante Gabriela da Rocha Brochado, 21 anos. Ela contou que a prima já fez estágio no zoológico e a incentivou a seguir o mesmo caminho.

“Eu gosto da interação com os animais, da proximidade, da possibilidade de alimentar, amamentar os filhotes, cuidar dos animais que estão doentes, fazer o tratamento”, contou Gabriela, destacando a preferência pelos mamíferos maiores, como a onça parda e a onça pintada.

A secretária municipal de Meio Ambiente, Daniela Vasconcelos, conta que em 2017 passaram pelo Zoo-VR, 28 estagiários, e que esse momento de estágio é muito importante na vida acadêmica dos estudantes.

“Eles prestam auxílio nas atividades mais importantes do zoológico, como enriquecimento ambiental, bem estar dos animais, além da produção científica”, explicou Daniela.

Essa importância dos estagiários no dia a dia do zoológico também foi ressaltada pelo prefeito Samuca Silva. Segundo ele, o Zoo-VR tem um papel muito importante de educação ambiental, além de ser uma ótima opção de lazer.

“Temos uma ótima estrutura de cuidados para os animais. Tanto os estagiários quanto os profissionais que trabalham no zoológico realizam um trabalho de excelência”, comentou Samuca Silva.

Estágio é disponibilizado para estudantes de Biologia e de Veterinária

De acordo o coordenador do Zoo-VR, Jadiel Teixeira, os estudantes interessados em participar do programa de estágio voluntário do Zoológico Municipal de Volta Redonda devem entrar contato com o profissional responsável pelo setor (Biologia / Veterinária) para verificar existência de vaga.

Depois, é preciso fazer o cadastro junto à Administração do zoológico apresentando os seguintes documentos: carta de apresentação informando os motivos para estagiar no Zoológico Municipal; ofício de encaminhamento da instituição de Ensino Superior; termo de compromisso de estágio da instituição de ensino (quando for o caso); comprovante de vacina imunoprofilaxia anti-tetânica e anti-rábica, com realização de sorologia para este último.

Mais informações sobre o programa de estágio podem ser obtidas através dos telefones 3350-7061 (Administração) e 3350-7621 (Biologia), ou por e-mail: jadiel.teixeira@voltaredonda.rj.gov.br e natalia.santos@voltaredonda.rj.gov.br.