Samuca Silva visita grupo da Melhor Idade no Açude

Mais de 7,5 mil idosos participam do programa da prefeitura de Volta Redonda em todas as regiões da cidade

Samuca Silva visita grupo da Melhor Idade no AçudeAos 90 anos, dona Francisca Maria de Assis não perde uma aula de ginástica do Programa da Terceira Idade, no ginásio do Açude, em Volta Redonda. Ela é uma aluna aplicada e diz que o programa tem ajudado a manter o bem estar em seu dia a dia. “Antes sentia dor em toda parte do corpo. Agora não. Acordo disposta e cheia de disposição”, brinca a senhora, com um sorriso no rosto. A dona Francisca é uma das 286 pessoas que participam do programa da prefeitura.Nesta terça-feira, dia 13, ela e seus colegas de ginástica tiveram uma surpresa: a visita do prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva. “Como fico feliz em ver os nossos idosos felizes e buscando o bem estar e uma melhor qualidade de vida. Volta Redonda tem investido para essa faixa etária como, por exemplo, a inauguração do Hospital dos Idosos, a realização de programas de atividades físicos, o Bloco da Vida, a Academia da Vida. Vou percorrer os grupos da terceira idade da cidade e comecei aqui no Açude”.

Segundo a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, atualmente, mais de 7,5 mil idosos participam dos programas da Terceira Idade de Volta Redonda em todas as regiões do município.

O casal Vanadir Domingos Vieira, 77 anos, e Marlete Gabriel Vieira, 71, ficou feliz de ver a dedicação do prefeito com os idosos da cidade. “Como alegra o meu coração quando vejo o prefeito nos visitando. Mostra que ele está se importando conosco e quer saber como estamos na aula”, disse a senhora. O marido concordou e complementou: “Não estamos esquecido no programa. Nunca vi um prefeito nos visitando”.

A senhora Maria Santana da Silva, de 80 anos, não escondeu a felicidade ao ver o prefeito Samuca Silva no ginásio do Açude. “Quero agradecer tanto ao prefeito em manter o programa em Volta Redonda. Amo vir para cá. Não perco uma aula, porque sei o bem que me faz, além de ser muito divertido. Não vou jamais esperar a morte chegar”, disse a senhora, com um humor contagiante.

 “Sabemos o quanto essa fase da vida pode ser difícil, tanto em questões de saúde, quanto de autoestima. Com o programa, além de melhorarem a condição física, os idosos passam a se sentir mais valorizados”, disse Maria Paula Tavares, secretária de Esporte e Lazer de Volta Redonda.